quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Destino Salvador II

Essa pequena viagem, teve uma grande significado. Fui fazer as pazes com Salvador.

Morei lá por um curto período em 2006 e não fui feliz .

Não culpo a cidade, mas as circunstâncias.

Tenho uma memória tremendamente associativa. Essa qualidade acaba sendo uma faca de dois gumes. Pois os lugares, os cheiros, os sabores, ficam marcados em mim de acordo com o momento. É tão sério, que quando fico doente deixo de usar perfumes ou de comer alguma comida que goste, pois sou capaz de associar com a doença.

Salvador é extremamente bela, mas enquanto estive lá, não estava feliz.

Em vários momentos, foi aquela beleza toda que me consolou. Descer a ladeira da Barra vendo o sol se pôr é uma das imagens mais bonitas que se tem em Salvador. Ou então olhar a Bahia de Todos os Santos do bairro da Liberdade (que é um lugar onde pouco turista vai), é uma visão deslumbrante...

Quando saí de lá, prometi a mim mesma voltar em dias melhores. Agora foi a hora.

Andando pelo Dique do Tororó, pensava no passado e dizia pra mim: " Aqui estou eu, em dias melhores!"

Conheço uma pessoa, que simplesmente risca do mapa os lugares onde foi infeliz. Detesta uma cidade e faz questão de não voltar lá porque diz que não lhe trouxe nem vai lhe trazer sorte.

Eu não compartilho dessa idéia. A culpa pode estar em várias coisas (pra não dizer nas pessoas) mas o lugar é o menos culpado, não acham?

Eu fiz questão de voltar pra apagar qualquer lembrança ruim. Foi uma catarse.

Salvador é linda e agora está mais linda ainda aos meus olhos!

5 comentários:

João Vitor disse...

não entendi direto ;s
mas de boa, voltar sempre é bom!

xD~

Fabio Fernandes disse...

Só acho que decepções a gente pode ter em qualquer lugar, mas o lugar não interfere em nada. Assim como as tristezas, as doenças e tudo o quê há de ruim.. e associar um fato ruim a um lugar pode ser uma injustiça com você. Pq além da lembrança ruim q vc pode ter, podem haver inúmeras outras lembranças boas do mesmo lugar...

Só o q eu acho...

Bjokas.

Calabresa disse...

Tb acho o mesmo Fábio.
Só que em Salvador, as lembranças ruins foram em maior número que as boas naquela época...
Agora foi a vez de começar com as lembranças boas...
Bom te ver de volta por aqui!
bjsss

Valéria Martins disse...

Querida Adriana, eu adoro Salvador! Passei férias inesquecíveis lá, um mês!, na casa de uma amiga da faculdade. Fomos ao Carnaval, fomos à Praia do Forte, a todas as baladas. Eita cidade animada!
Depois, viajei ao Sul - minha primeira viagem sozinha - e ainda fiquei mais um mês em Trancoso. Muitas aventuras. Quase que eu fico de vez na Bahia!
Mas a vida tinha outros planos para mim - ainda bem. E aqui estou.
Que bom que fizeste boa prova! Tomara que o resultado seja bom!
Beijos.

Calabresa disse...

Valéria:
Salvador é mágica mesmo. É uma cidade que convida vc a ficar. Espero passar na prova, pois vou gostar de morar lá!