quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Sabedoria de Internet


- Mestre, como faço para me tornar um sábio?
- Boas escolhas.
- Mas como fazer boas escolhas?
- Experiência - diz o mestre.
- E como adquirir experiência, mestre?
- Más escolhas.
Antes eram os papos de botequim que propagavam a chamada filosofia de botequim, aquela que não tinha pai nem mãe, mas que todo mundo achava que tinha muita verdade contida nela!
Agora uma nova modalidade de filosofia está em prática, a da internet.
O texto acima é de um e-mail que recebi agora. Não tem "pai" nem "mãe" o bichinho, mas é de uma profunda verdade.
Santa Internet!

6 comentários:

Ita Andrade disse...

verdade! Não da pra se agarrar em teoria. Tudo o que me calça está embasado em vivências minhas à cores e à carne-viva.
Eu gostei!!!

Valéria Martins disse...

Eu já conhecia, é muito legal!...

Da Silva disse...

É claro que a sabedoria de botequim não morrerá jamais, mesmo com a Internet ou qualquer tecnologia que exista ou que venha a ser inventada.

Nada substitui o face-to-face

Calabresa disse...

Valéria:
Fico muito feliz quando vc me visita.

Da Silva:
Acho que as duas coisas podem conviver muito bem.
Obrigada pela visita, e volte mais vezes!

Elvis "Wolvie" disse...

Já conhecia, excelente sabedoria budista. ^^

Carolina disse...

Já conhecia e acho ótima!
bjos meus