quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Sozinhaaaaaa


Quando minha sobrinha sobrinha n° 1 começou a dar os primeiros passinhos tratou logo de ser independente.
Não queria mais ajuda de ninguém, e quando alguém ia dar uma mãozinha, prontamente ela gritava:
-"Sozinhaaaaa!!!!"
Eu ficava admirada com o fato dela nem falar direito e conseguir pronunciar a palavra corretamente  e com tanta veemência pra defender sua vontade...
Por incrível que pareça, foi apenas há muito pouco tempo que comecei a dar os primeiros passinhos em direção a muita coisa na vida...
O "sozinha" deixou de ser tão assustador.
Agora a conversa é bem outra. Eu olho pra frente e... Vou!

***

Outro exemplo de "sozinha" aconteceu nessas férias:
Show de Arnaldo Antunes, que eu amo de paixão, e nenhuma companhia pra ir!
Na mentalidade recifense, assistir show sem companhia, nem pensar!
Putz! Vou não, pensei!
Ai pensei melhor, e fui sozinha mesmo. Adorei!
Detalhe: Não encontrei um conhecido, nem pra fazer remédio!
Confesso que teve quem olhasse meio intrigado pra mim no teatro. E pelo pouco que reparei, não vi nenhum solitário (a)  como eu no recinto. Mas isso não me incomodou...
Estive todo tempo em boa companhia: A minha.

                                                ***
A sensação de se sentir confortável na própria pele é uma delícia. Eu recomendo!


****************************************************************
Pessoas: Ando em terras pernambucanas por esses dias. Me dei ao super luxo de passar uns dias de férias em casa.
Está sendo um sonho (quase) literal. Dormi quase todo o tempo.
No mais:  muita conversa com amigos queridos, muita comidinha de avó e muita farra com a sobrinhada. Pena que está acabando!

6 comentários:

Valéria Martins disse...

Querida Adriana, eu já saí tanto sozinha!... Viajei sozinha, fui a show sozinha, ao cinema, entáo, perdi a conta das vezes. É bom, sim.

Pois, como ouvi em um dos encontros do Amor Singelo, o Verdadeiro Encontro só é possível quando duas "solidões boas" se unem. Pois quando a solidão não é "boa" (ou seja, a pessoa completa em si) não é justo com o o outro, que estará sendo usado para ocupar um "buraco". Enfim... é louvável esse exercício seu.

Beijos, querida

Carolina disse...

Sabe,que qdo era mais jovem me sentia mal de pegar um cinema, entrar numa festa sozinha,ir num show sozinha nem pensar.

Depois de um tempo qdo passei um tempo fora daqui aprendi a andar sozinha em certos eventos e me sentia muito bem comigo mesma.Quando você está em harmonia contigo mesma a sensação com o mundo é outra sintonia.
bjos

Coisas de Ana Cristina disse...

Adriii, fiquei tão feliz de ler esse seu post, e de pensar na tua história aqui em São Paulo, de como te conheci e de como tu estás... De ter feito de certa forma parte disso tudo, então aqui estou.. Gostaria que soubesses de que é muito bom te ver crescer, ainda que depois dos 30.. É muito bom te ver progredir e seguir sem medo de errar, porque o ero faz parte tanto quanto o acerto.. Feliz por te ver fazer planos, porque antes nem isso tinha, porque no lugar do medo, hoje vejo a coragem.. Porque ao invés de correr dos espelhos, hoje vejo não somente alguém que se olha em frente a ele, mas alguém que também se namora e sabe o valor que tem.. Te amo muito minha amiga, sua amizade é importante pra mim, tanto quanto você já é... Deus te abençoe.. E que você nunca desista, sempre prossiga nessa caminhada chamada: VIDA!!

Ana Cristina disse...

Adriii, fiquei tão feliz de ler esse seu post, e de pensar na tua história aqui em São Paulo, de como te conheci e de como tu estás... De ter feito de certa forma parte disso tudo, então aqui estou.. Gostaria que soubesses de que é muito bom te ver crescer, ainda que depois dos 30.. É muito bom te ver progredir e seguir sem medo de errar, porque o ero faz parte tanto quanto o acerto.. Feliz por te ver fazer planos, porque antes nem isso tinha, porque no lugar do medo, hoje vejo a coragem.. Porque ao invés de correr dos espelhos, hoje vejo não somente alguém que se olha em frente a ele, mas alguém que também se namora e sabe o valor que tem.. Te amo muito minha amiga, sua amizade é importante pra mim, tanto quanto você já é... Deus te abençoe.. E que você nunca desista, sempre prossiga nessa caminhada chamada: VIDA!!

Valéria Martins disse...

Querida Adriana, que bom ler um post seu no blog! Como foi esse primeiro ano em São Paulo? Muita novidade, muitas conquistas, imagino!...

Desejo a você um 2011 com muito Amor, paz, felicidade, prosperidade, criatividade!

Muitos beijos, volte logo para o blog!

Cristiny* disse...

Ai que saudade de tu mulher!
xeiro, some não!
;D